Delegado acusa distrital Raad de desvio de verbas

A Comissão de Ética da Câmara Legislativa do DF ouviu, nesta terça-feira , o delegado Henry Peres sobre um possível desvio de verbas públicas durante um evento rural em Sobradinho, em 2010.


O valor (R$ 100 mil) foi autorizado por uma emenda do deputado Raad Massouh (PPL). Outras duas testemunhas convidadas a prestar esclarecimentos a favor do distrital preferiram não falar. A comissão apura administrativamente o caso para definir se leva a plenário.

Henry afirmou não ter dúvidas de que houve irregularidades e que parte do dinheiro foi desviada. A comissão também convocou Carlos Henrique Neves e Maria Inês de Lima (na época presidente do Sindicato de Turismo Rural do DF) para serem ouvidos como testemunhas de Massouh. Os dois, porém, permaneceram calados.

Para a semana que vem, estão marcadas duas reuniões onde serão ouvidas mais pessoas. O relator do caso, deputado Joe Valle (PSB), disse que até o dia 21 de agosto o relatório sobre o caso estará pronto.

Comentários