Messias de Souza consegue a recuperação de mais de 200 parquinhos no Plano Piloto

Parquinhos, campos de grama e de areia, quadras, pistas de skate, equipamentos de ginástica serão reformados
b
Mais de R$18 milhões serão investidos na recuperação de 1,7 mil espaços públicos de lazer como quadras esportivas, pistas de skate, parquinhos infantis, Pontos de Encontro Comunitário (PEC's). O governador Agnelo Queiroz assinou a ordem de serviço para as obras na manhã de hoje.
"Não se trata de uma obra, mas de um programa contínuo. Durante muito tempo o governo fazia obras e não cuidava. Ela ia se deteriorando e o governo precisava investir novamente na construção. Agora vamos manter continuamente o bom funcionamento desses equipamentos", afirmou o governador do Distrito Federal.
As obras serão em todas as regiões administrativas e foram definidas conforme as prioridades apontadas pela população das cidades.
Oito empresas foram contratadas pela Secretaria de Obras e pela Novacap para realizar a reestruturação dos espaços pelos próximos 60 meses - duração da primeira etapa do programa.
"Após esse período a população poderá indicar novos espaços para serem recuperados, e a manutenção de todas as áreas continuará a ser feita", destacou Agnelo Queiroz.
O Administrador de Brasília, Messias de Souza reafirmou a importância do esforço do Governo do Distrito Federal, da Secretaria de Obras, da Novacap e da Administração de Brasília, na recuperação dos espaços e na manutenção dos parques para que as crianças possam brincar com segurança.
Na 406 sul, por exemplo, onde foi assinada a ordem para o início das obras, e onde os trabalhos começaram, serão recuperados três parques infantis, o conjunto de aparelhos de ginástica, e as quadras poliesportivas e de areia.
"Estamos cuidando da qualidade de vida de nossas pessoas. Com os parquinhos bem cuidados, por exemplo, as crianças poderão descer, tomar sol, se exercitar e se apropriar desses espaços", concluiu o chefe do Executivo distrital.
Os investimentos se somam aos que são realizados pelo GDF na construção de novos espaços de lazer que, em 2013, somam R$7,7 milhões para a construção de seis parques infantis, 24 quadras poliesportivas, quatro campos de grama sintética e sete praças.
De acordo com a Administração de Brasília serão recuperados cerca de 200 parquinhos somente no Plano Piloto.


Comentários